quinta-feira, 31 de outubro de 2019

Galeria MH8Arte apresenta exposição “Acromático”, que transmite a beleza da ausência de cor em quadros, fotos e esculturas.

A galeria MH8Arte traz 12 artistas versáteis em uma exposição harmônica e encantadora.

Exposição “Acromático”/Galeria: MH8Arte/Foto: FotoEstúdio360

Procurando a beleza no preto e branco, a galeria MH8ARTE, localizada no Jardim Paulista, na capital paulista, reuniu artistas de vários segmentos para montar a exposição coletiva “Acromático”, que segue exposta até o dia 1 de novembro. Acostumada a trabalhar em um modelo mais intimista, com obras encomendadas por arquitetos e designers, o local abre suas portas, pela primeira vez, para receber os admiradores da arte.


O acervo surpreende do início ao fim nos mínimos detalhes. Fotografias, pinturas, colagens, esculturas e gravuras foram cuidadosamente colocadas pelos ambientes da galeria. Logo na entrada, os visitantes poderão apreciar obras de estilos diferentes que carregam o mistério do lúdico.

Com a curadoria de Maria Helena Souza Ferreira, proprietária da MH8ARTE, nomes como Anne Lopes, Arnaldo Battaglini, Fernanda Naman, Grazielle Azevedo, Hércules Barsotti, José Munhoz, Luiz Martins, Nazareno, Nicole Wells, Rita Lessa, Tito Ferrara, Tito Khzouz, permeiam sua criatividade passando por técnicas como a de desenhos concretos até a expressão de formas abstratas. Todas exploram um ponto em comum: a ausência de cor. Assim, aqueles que quiserem se aventurar nesse universo mágico, descobrirão o encanto da arte em preto e branco.

O grafite no jardim, que transformou a MH8ARTE como parte da exposição, chama a atenção. Criado pelo artista plástico brasileiro Alemão, internacionalmente conhecido, é uma intervenção na parede do espaço que deu um toque descontraído. Brincando com os formatos, ele compôs e integrou com os demais elementos.

Alguns quadros, entretanto, tem permissão para sair da proposta da mostra. Esse é o caso do “Entre amor e sonhos” de Tito Ferrara. Nele, um rosto expressivo estampa a grande tela. Por cima da pintura foram aplicados sprays nas cores dourado e azul, dando vida ao retrato. Misturando referências modernas, a obra combina com decorações descoladas e artísticas.

Quadro: “Entre amor e sonhos” /Artista: Tito Ferrara/Foto: FotoEstúdio360

Do outro lado, um novo ponto com tonalidades douradas. O quadro “Golden Tones”, pintado por Nicole Wells, traz uma foto simples e marcante. Ao entrar nessa primeira sala, fica impossível não ser atraído por essas duas imagens: uma de frente para a outra, as posições conversam entre si de forma agradável.

O “Acromático” volta nas demais artes. Uma tela preta recebe a silhueta em branco de uma cidade. Prédios de diversos tamanhos iluminam o fundo neutro da obra pintada por Anne Lopes. Parar por alguns minutos para observar os mínimos detalhes, das janelas, portas, antenas até as sombras é imprescindível. Ao lado de fotografias tiradas de São Paulo por Tito Khzouz, a poesia está completa.

Quadros de Anne Lopes e Tito Khzouz/Foto: FotoEstúdio360

Depois de visitar todos os espaços da galeria, os interessados poderão adquirir as obras para decorarem suas casas, apartamentos ou comércios. Seguindo os 17 anos de tradição, a MH8ARTE disponibiliza os quadros para compor o décor das áreas comuns ou de cômodos íntimos.

Serviço: Exposição “Acromático”

Data:
Horário: segunda-feira a sexta-feira das 9h às 19h
Sábado: agendar horários
Endereço: Rua Estados Unidos, 180, Jardim América
São Paulo, SP

Sobre:

A MH8ARTE está no mercado há 17 anos fornecendo telas, gravuras, quadros, acrílicos, espelhos, fotografias, esculturas gigantografias, metacrilatos, para hotéis, hospitais, casas, apartamentos, entre outros empreendimentos. Arquitetos, designers e construtoras, que procuram incluir um toque artístico em seus projetos, encomendam as ideias para a galeria. Após capturar a essência da obra, a galeria monta a arte perfeita com criatividade e elegância. Depois de pronta, a entrega é feita por todo o Brasil. Buscando excelência no ramo, a MH8ARTE se enquadra em todos os tipos de projetos.

Serviço:
Instagram: @mh8arte
Facebook: fb/mh8arte
www.mh8arte.com.br
(11) 98187-7744

Blogger Tricks

terça-feira, 22 de outubro de 2019

Como montar um closet bem organizado?

Closet utiliza os padrões Bark e Gris, da Criare. A maioria das pessoas já passou pelo pesadelo de ficar horas procurando o que vestir, sem encontrar nada em meio as roupas. Apesar de comum, muitas vezes esse problema não está relacionado com a falta de opções, mas sim, devido à má organização das peças e disposição dos móveis, o que dificulta uma visualização completa do que se tem.


Com a rotina cada vez mais corrida, investir em um closet que, além de conferir sofisticação ao ambiente, seja prático e moldado de acordo com as necessidades individuais é essencial. Pensando nisso, a Criare – empresa que há 16 anos oferece soluções em móveis planejados para atender os mais variados estilos – separou 5 dicas fundamentais para serem aplicadas na hora de organizar e projetar um closet. Confira:

Avalie suas necessidades

Os hábitos devem ser levados em conta na hora de montar e organizar o closet. O projeto ideal é aquele que atende às necessidades do morador e, para isso, é importante analisar o que é utilizado com mais frequência para acomodar em uma parte mais acessível do armário, ao alcance das mãos e olhos. Então, é fundamental projetar a disposição das peças de acordo com a rotina do usuário.

Luzes internas nos armários

Uma ótima ideia para as áreas mais baixas dos armários, que às vezes recebem menos luz, é utilizar lâmpadas internas. Assim, luzes que acendem automaticamente ao abrir a porta, facilitarão a visualização das peças armazenadas na parte inferior do móvel. Além disso, locais que tenham maior quantidade de objetos podem demandar maior destaque de luminosidade.

Espelho é essencial

Ao projetar um closet é essencial pensar em otimizar ao máximo o aproveitamento do espaço, uma ótima aposta pode ser optar pelo uso de espelhos nas portas de correr. Além de conferir amplitude ao ambiente e ajudar na iluminação, os espelhos nas portas tornam-se mais versáteis deslizando pelos trilhos.

Separe a sapataria do restante das roupas

É muito importante destinar uma divisória apenas para os calçados, além de facilitar a organização, esse dimensionamento também evita o contato das outras peças com a sapataria, impedindo que as roupas peguem odor.

Explore a ventilação natural

A ventilação no cômodo evita que as roupas fiquem com cheiro de guardadas ou mofem. Para isso, aposte em closets do estilo aberto, que permitem o contato do ar com as roupas, além de explorar o uso dos cabides para organizar as peças em ambientes mais altos.

CRIARE
www.criare.com

quarta-feira, 9 de outubro de 2019

É primavera! Mudança de estação é um convite para renovar o astral da casa para esse período.

Profissionais do arqdecor explicam que pequenas mudanças, como a troca da capa de almofadas e outros pequenos itens do lar, são capazes de trazer a energia e a explosão de alegria da nova estação.

Projeto de Cristiane Schiavoni | Foto: Carlos Piratininga

Cores, flores e dias ensolarados. A primavera chega com o seu frescor e alegria nas ruas que ficam mais delicadas e coloridas com seus Ipês brancos e amarelos. Dentro de casa, vale apostar em pequenas mudanças para que o astral da estação também contagie a decoração e a energia do seu lar. Se você não sabe como fazer, não se preocupe: inspirados na nova estação, um time de profissionais: Cristiane Schiavoni, à frente do escritório que leva seu nome, Cris Paola, do Studio Cris Paola e Danielle Dantas e Paula Passos do escritório Dantas & Passos Arquitetura, compartilham suas experiências sobre como deixar o décor com o clima primaveril.

Quando se fala em decorar a casa para uma determinada estação do ano, vale ressaltar que não é necessário modificar a infraestrutura com quebra-quebra, mas sim trocar ou modificar objetos e até mesmo mudar a cor da parede de algum ambiente. Como a primavera tem uma maior incidência de sol, é preciso buscar materiais mais frescos e leves para deixar a casa bem fresquinha. Acompanhe as dicas a seguir:

1 - Guarde peças e objeto com texturas pesadas:

Chegou a hora de guardar todas as peças quentinhas que foram usadas no inverno, como mantas e tapetes. Para que esses itens se mantenham conservados e organizados até o próximo ano, a dica da arquiteta Cris Paola é embalar. “Use sacos a vácuo, pois são perfeitos para economizar espaço nos armários, organizar e proteger as peças do pó”, ressalta.

No mercado pode ser encontrado dois tipos de sacos: aqueles que demandam o auxílio de um aspirador ou a versão que remove o ar com as próprias mãos. “Ambos são ótimos para que o tamanho das peças, como cobertores volumosos, sejam reduzidos, acrescenta Cris Paola.

Projeto: Dantas & Passos Arquitetura Foto: Maura Mello 

Já a arquiteta Cristiane Schiavoni aconselha substituir tapetes grossos, como os produzidos em lã, por materiais como linho ou de corda. Ela ainda explica que, caso o morador prefira retirar o tapete, a substituição pode ser feitas por almofadas, que tornam a casa mais despojada e iluminada. Nas paredes, ela também acrescenta que as cortinas podem ser igualmente trocadas por modelos com materiais mais leves como voil, linho, seda, gaze de linho, organdi ou materiais sintéticos. “Nessa época, as cortinas são essenciais para salas e dormitórios”, arremata Cristiane.

2- Cores da estação:Projeto: Dantas & Passos Arquitetura Foto: Maura Mello

A primavera é a estação do ano que permite e preza pela mistura de cores quentes e tons mais abertos são sempre tendência. “Em especial, nesse ano notei que todas as marcas presentes em feiras e eventos do mercado de decoração seguiram uma tendência pautada em tons pastel”, lembra Danielle Dantas, do escritório Dantas & Passos Arquitetura.

“Se pudéssemos apostar em uma cor para essa estação seria o verde, não somente nas plantas, como também em detalhes como capas das almofadas e tecidos, por exemplo,”, complementa Paula, arquiteta e sócia de Danielle.

A dupla é unânime em ressaltar que a paleta pastel consegue renovar as energias e combina muito bem com cores terrosas, que vão desde os alaranjados até os amarelos, em versões mais queimadas.

3 – Conexão com a natureza:

Projeto: Cristiane Schiavoni Foto: Carlos Piratininga

Trazer o verde natural é uma das formas de oferecer alegria para dentro de casa. Muito além dos arranjos florais, quem tem apreço por plantas pode eleger a época como o momento de realizar o sonho de aprender a cuidar e viver o dia a dia de regas e contemplação em locais da residência como a varanda.

Não pense que somente pessoas especialistas em plantas podem cultivá-las dentro de casa, basta um pouco de pesquisa e dedicação. “Todo mundo pode criar uma conexão com a natureza dentro de casa, varanda ou quintal. Basta procurar as espécies e tamanhos que combinem com o tamanho do espaço e a funcionalidade que desejar conceder para cada uma”, diz Cris Paola, do Studio Cris Paola.

A arquiteta, que também é especialista em Feng Shui, ainda revela que as plantas e flores são conhecidas como os melhores elementos para a correção de energia em um ambiente. Por isso, um caminho é apostar em plantas aromáticas, frutíferas, rosas do deserto ou arranjo de flores com espécies como lírios,por exemplo.

4- Iluminação decorativa

O loft com estilo industrial e base clara, assinado pela arquiteta Carina Korman, do escritório Korman Arquitetos, ganhou plantinhas com vasinhos bem modernos e, ao lado, um letreiro de neon. Um toque sutil para combinar com a nova estação. 

Foto: JP Image

Apesar de ser a época de maior incidência de sol e bacana para aproveitar a iluminação natural, as arquitetas do Danielle e Paula ainda indicam o uso de frases com neon fluorescente, muito usado na década de 1980, mas que está super em alta. “Além de trazer um toque divertido para a decoração, o objeto ainda ajuda a iluminar o ambiente de uma forma indireta, sem esquentar”, indica.

Sobre o Studio Cris Paola: É comandado por Cris Paola, formada pela Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo, e com 30 anos de experiência em arquitetura e design de interiores. Criativa, Cris personaliza cada projeto de acordo com as necessidades do cliente e, para isso, mergulha no universo de cada um. O resultado são ambientes harmoniosos, aconchegantes e repletos de estilo.

Com atuação em São Paulo, Rio de Janeiro e Miami, a profissional dispõe de um vasto portfólio que mescla projetos de áreas comerciais como restaurantes, bares, cafeterias, consultórios, clínicas, escritórios, showrooms e representações de multinacionais no Brasil e espaços residenciais – casas e apartamentos urbanos, campo e praia. Está à frente do escritório que leva seu nome, o Studio Cris Paola, no qual coordena da concepção do projeto até a execução da obra e todos os detalhes da decoração de interiores. Sua equipe é formada por profissionais multidisciplinares que atendem com dedicação e criatividade aos anseios e desejos de cada cliente. Oferece ainda a possibilidade de criar móveis exclusivos e desenhados sob medida.

Responsabilidade ambiental, cores usadas com maestria e reaproveitamento de peças existentes no projeto são marcas registradas do escritório. Sempre antenada ao universo do design, moda, arquitetura e decoração, Cris Paola é autora do blog Mil Ideias por Metro Quadrado, onde compartilha ideias, tendências e dicas.

www.studiocrispaola.com.br
Blog – www.milideiaspormetroquadrado.com.br
@studiocrispaola e @milideiaspormetroquadrado
Tel. (11) 3071-2888, São Paulo

Sobre a Dantas & Passos Arquitetura: A Dantas & Passos Arquitetura desenvolve projetos de arquitetura e design de interiores para os segmentos residencial e comercial. Atuando no mercado desde 1996, as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos valorizam os projetos que os clientes possam realmente aproveitá-los. Cores neutras e atemporais fazem parte da essência da dupla, que tem um vasto portfólio nas cidades de São Paulo, interior e Miami. “Buscamos sempre pensar em soluções exclusivas e feitas sob medida para cada cliente, sempre respeitando os sonhos de cada um. Participamos pessoalmente de todas as etapas do projeto, desde a criação até os objetos de decoração.”

Dantas & Passos Arquitetura
@dantaspassos.arquitetura

quarta-feira, 2 de outubro de 2019

O Apartamento de um jovem casal projetado por Marcela Pepe.

Localizado em São Paulo, no bairro dos Jardins, o apartamento de 220m2 é habitado por um jovem casal descontraído e seus três filhos. A família precisaria de um novo quarto para o terceiro filho, que estava chegando, sendo assim, Marcela Pepe construiu um quarto de serviço na lavanderia e trocou as funções de outros dois cômodos existentes.




A reforma, que durou sete meses, se baseou em adequar o uso dos móveis existentes e selecionar móveis novos para que a área social ficasse funcional, aconchegante, valorizando cada canto do apartamento que é clean, descontraído, com algumas “pitadas” de cor.



  
A distribuição dos ambientes do apartamento era como a maioria dos apartamentos antigos, com o pé direito alto e ambientes “quadrados” e bem distribuídos. Passando o hall de entrada, temos lavabo e a área social totalmente integrada (sala de jantar, sala de estar e sala de TV). Entrando pelo corredor da área íntima, depois da reforma, ficamos com três suítes e um quarto. A cozinha é integrada com a copa.


segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Versáteis e com muito design, as cadeiras de madeira são aposta da Sierra Gabriel.

Elas podem compor todos os estilos de ambiente, dos clássicos aos modernos Cadeira Vitra, toda estruturada em madeira. Possui braços, para mais conforto, e revestimento de couro natural.


Como pensar no décor e não se lembrar das cadeiras de madeira? Clássicas e versáteis, elas podem compor diversos estilos de ambientes, passeando dos mais despojados aos luxuosos. Trazendo um material natural tão belo e aconchegante, esse item é indispensável na composição de espaços atemporais.



Cheia de brasilidade, a cadeira Lapa tem a madeira em sua estrutura e encosto em palhinha. Estilosa, a cadeira Piegato traz o assento revestido com fibra natural. Mais clássica, a cadeira Medalhão aposta na madeira escura e traz um espaldar alto, para mais conforto

“A cadeira de madeira é atemporal e encaixa-se bem em toda casa – seja no living, na sala de jantar ou até no home office. O importante é optar pelo modelo correto, levando em conta seu uso. Ela tem que ser confortável, além de combinar com o projeto”, aponta Karina Alonso, proprietária da Sierra Móveis Gabriel. A loja conta com diversos modelos de cadeira, todos feitos de madeira maciça, totalmente sustentável.

Super resistentes, as cadeiras de madeira podem ser estofadas ou não. Tudo depende do desejo e do uso – peças estofadas e com braços, por exemplo, garantem muito mais conforto e possibilitam um uso prolongado. Modelos com espaldar alto também acomodam bem as costas. Peças com madeira clara podem ser combinadas com mesas brancas, criando um décor iluminado e contemporâneo, extremamente leve. “Mas para quem deseja mais presença, as peças escuras ou até com madeira pintada de preto são uma ótima opção”, aponta Karina.


Cadeira de aproximação Bione traz a madeira pintada de preto. Já a cadeira Cult Garden é perfeita para áreas externas. Versáteis, as cadeiras de madeira podem também compor o décor das áreas externas e varandas recobertas. Nesse caso, é importante manter a peça sempre envernizada, para garantir mais durabilidade.

Sobre a Sierra Móveis Gabriel: Com mais de quinze anos de experiência no segmento de luxo e móveis de alto padrão, a arquiteta Karina Alonso e o administrador Fabio Alonso realizaram mais um sonho ao ser tornarem sócios da Sierra Móveis Gabriel e ajudaram a marca a se solidificar na alameda Gabriel Monteiro da Silva, ponto de encontro de arquitetos, decoradores e apaixonados por design. Fundada em 1990, a Sierra Móveis é reconhecida como um dos maiores fabricantes brasileiros e referência mundial em qualidade e conforto, oferecendo mais de 5 mil peças de mobiliário de decoração. Desenvolvidas em um parque fabril com mais de 80 mil m², as peças são feitas a partir de madeira 100% maciça extraída de reflorestamento sustentável, trabalhadas com as mais avançadas tecnologias, aliadas a acabamentos artesanais e manuais, garantindo a excelência e exclusividade no design que constrói a história de sucesso da marca.

Sierra Móveis Gabriel
Alameda Gabriel Monteiro da Silva, 837
Jardim América, São Paulo - (11) 3062-3826
contato@sierragabriel.com.br
@sierragabrielsp

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

Arquiteta Ieda Korman orienta sobre como usar pedras naturais na decoração e explica a diferença entre a matéria-prima e outros materiais.

Revestimentos como o mármore e o granito unem praticidade, resistência e durabilidade em uma aparência única.

Living com piso de mármore Sivec

Projeto: Korman Arquitetos | Fotos: Gui Morelli

As pedras naturais, como o mármore e o granito, são revestimentos capazes de unir praticidade, resistência e durabilidade a uma estética ímpar. Não por acaso, esses materiais são usados em pisos, paredes, bancadas e até móveis em diversos ambientes da casa. “A pedra natural é um elemento nobre, eterno e único, além de higiênico. Quando um bloco é fatiado, seus veios ou desenhos não serão repetidos em outro, o que significa que este acabamento nunca será igual em outra residência”, explica a arquiteta Ieda Korman, do escritório Korman Arquitetos.

Apesar de suas vantagens, muitas pessoas ficam em dúvida se vale a pena investir nas pedras para a decoração. Para ajudar na escolha, Ieda compartilha orientações e explica as principais diferenças entre as pedras e outros tipos de acabamentos. Confira:

Defina as necessidades do espaço


Na área social deste apartamento, o mármore Sivec reveste o piso, pois a moradora queria um acabamento nobre, fácil de limpar e neutro na decoração. Já o mármore Calacata Gold, com seus veios dourados, aparece para formar a parede e as prateleiras da estante, mostrando a versatilidade do material.

Pensar detalhadamente em como cada espaço da casa será usado é o primeiro passo para a seleção dos materiais. “Em acabamentos não há ganhos ou perdas, mas sim a necessidade de cada ambiente. Por exemplo, colocar mármore em uma parede de área de serviço será um desperdício. Já em uma sala de estar ou em um hall, a pedra será mais adequada, uma vez que seus veios e sua beleza proporcionam nobreza ao ambiente”, orienta a arquiteta. Por remeter a um décor mais sofisticado, também é importante pensar se o material combina com o conjunto.

Pedra x cerâmica – vantagens e desvantagens


O mármore Sivec usado no piso da área social se estende até o banheiro e o lavabo. No primeiro, o material reveste também as paredes e a banheira. Já no lavabo, o mármore Calacata compõe a parede com a bacia suspensa e a pia esculpida.

A principal diferença entre a pedra e os revestimentos cerâmicos é simples: enquanto a primeira tem uma aparência única, a outra tem um padrão repetido industrialmente. Outra distinção se refere à paginação dos revestimentos. “A pedra pode ser paginada, isto é, pode ser cortada em tamanhos que se enquadrem corretamente no ambiente, como também a distribuição dos veios ser em sequência. Já a cerâmica não oferece essa possibilidade”, aponta Ieda. Entre as vantagens da cerâmica estão o custo mais baixo e a colocação mais rápida. O preço da pedra é mais alto e varia de acordo com a qualidade e a raridade do material, mas a manutenção é praticamente zero.

Pedra x efeito pedra no papel de parede


O escritório usou o granito Café Imperial na bancada da cozinha, uma vez que a pedra tem duas características fundamentais para essa superfície: pode ser usada em áreas molhadas e é resistente ao calor.

Por ser um elemento com função decorativa, o papel de parede com características de pedra também pode ser colocado em ambientes nobres da casa, como hall de entrada, salas e quartos. Mas esse material sempre deve ser colocado em paredes que tenham massa corrida com pelo menos uma demão de tinta, além de seu uso ser aconselhado apenas em áreas internas que não tenham umidade. Já as pedras são instaladas em superfícies cimentadas com argamassa e podem compor projetos de áreas molhadas, como banheiros e cozinhas.

Sobre a Korman Arquitetos: Korman Arquitetos é mais que um escritório. Representa a geração de arquitetos que levam a marca dos projetos assinados há mais de 35 anos. Formado pelo casal Silvio e Ieda Korman, hoje tem na equipe a força de Carina Korman e, em equipe, assinam projetos residenciais, comerciais e de hotelaria – tanto no Brasil, como também no exterior.

Korman Arquitetos
Rua Groelândia, 1877, Jardim América, São Paulo
Tel.: (11) 3060-8313
www.kormanarquitetos.com.br
@kormanarquitetos