quarta-feira, 16 de janeiro de 2019

Especialistas no décor de interiores ensinam como aproveitar as liquidações de janeiro.

Arquitetas dos escritórios Cristiane Schiavoni Arquitetura e Interiores, Triarq Studio de Arquitetura, e Dantas & Passos Arquitetura dão dicas para aproveitar as promoções para renovar a casa!

Esquerda para direita: Cristiane Schiavoni, Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi da Triarq Studio de Arquitetura, e Danielle Dantas e Paula Passos, do Dantas & Passos Arquitetura

É só ver a palavra ‘liquidação’ para despertar a vontade de renovar a casa toda. Móveis mais baratos, queima de estoque de revestimentos e até itens de decoração com preço reduzido chamam atenção nas lojas agora em janeiro. Mas será que vale a pena aproveitar essas promoções? Como acertar na compra?

As arquitetas Cristiane Schiavoni, do Cristiane Schiavoni Arquitetura e Interiores, Danielle Dantas e Paula Passos do escritório Dantas & Passos Arquitetura, e Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi, da Triarq Studio de Arquitetura, foram convocadas para tirar todas as dúvidas sobre o assunto, evitar dores de cabeça e tirar o melhor proveito dos preços mais baixos!

Primeiro passo

O ponto de partida é ter em mente o projeto e a necessidade da morada. “Você precisa sair bem preparado para procurar as peças e ter anotado as peças que você já tem no ambiente, as dimensões do ambiente e o tamanho daquelas que você precisa”, comenta a arquiteta Cristiane Schiavoni. Para não cair em furadas, é importante ter disposição e vontade para procurar as ofertas, “Apenas pesquisando e comparando preços é possível aproveitar da melhor maneira as liquidações. Não dá para ter preguiça para andar bastante e visitar muitas lojas”, defende Ana Paula Briza, da Triarq Studio de Arquitetura.

Revestimentos pedem atenção

É importante ser cauteloso na compra de revestimentos, já que normalmente os descontos são aplicados em produtos de fim de estoque. “Como você pode ter perdas no meio do transporte ou mesmo durante a obra, sugiro comprar uma sobra um pouco maior. É preferível ter uma ou duas caixas sobrando ao invés de, no fim da obra, descobrir que faltou revestimento e perder todo o material”, explica Cristiane Schiavoni.

Peças da coleção passada

Geralmente o desconto aplicado nas peças está relacionado à troca de coleção. Por isso, é preciso ficar atento aos modismos que devem continuar em alta. “Os tons terrosos continuarão em evidência, assim como o cinza e rosa pastel que praticamente tornaram-se ‘cores base’ para decoração. Também destaco a relevância das estampas étnicas e geométricas, que sempre se encaixam muito bem no décor, assim como o brilhante dourado, que voltou com força nesse ano, e as peças metalizadas foscas, que continuarão também”, conta Ana Paula Briza.

Mas, se você encontrou um item que tem a sua cara, a arquiteta Cristiane Schiavoni ressalta: “Se aquela peça tem a ver com sua personalidade, não deve se preocupar se é moda ou não. A mistura de estilos é continua uma tendência e vale a pena sair do tradicional combinado que costuma ser feito.”

Fuja do erro

Para não correr o risco de ser enganado, procure por lojas com credibilidade no mercado. “Sempre recomendo comprar em estabelecimentos confiáveis, que estejam bem estabelecidos e com endereço fixo. Também é fundamental verificar os prazos de garantia, entrega e ler com atenção os contratos da venda. Pagar um preço menor não implica que o cliente deva abrir mão da qualidade”, destacam as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos.

Anote mais cinco dicas imperdíveis para tirar o melhor proveito das promoções:

Não comprar por impulso e comprar além ou algo que não necessita. “Uma lista de compras e a definição do orçamento disponível ajudam nessa empreitada”, revelam as profissionais do escritório Dantas & Passos Arquitetura.

Visite as lojas nos primeiros dias das liquidações, pois algumas peças são únicas e logo acabam. “Acredite quando o vendedor falar que se trata da última peça, pois durante as liquidações o argumento costuma ser verdadeiro”, brinca Cristiane Schiavoni.

Procurar ajuda de um profissional da área, seja arquiteto ou design de interiores, para fazer escolhas assertivas.

Aproveite os descontos em peças sob medida. “Algumas lojas praticam descontos em peças feitas sob medida na época da liquidação”, revelam as profissionais da Triarq.

Cuidado com as avarias: ”Alguns itens perdem consideravelmente o valor se tiver alguma avaria. Vale se o investimento para conserto for irrisório ou se você não se importar em ter uma peça riscada ou lascada”, finalizam Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi.

Sobre a arquiteta Cristiane Schiavoni: Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo (FAU-USP), Cristiane Schiavoni atua na área de arquitetura, decoração e reforma desde 1996 e hoje, o escritório que leva seu nome, tem mais de 20 anos de história, reunindo centenas de projetos dentro e fora do Estado de São Paulo. Em suas criações residenciais e comerciais, publicadas em importantes veículos brasileiros, elementos-surpresa e toques de cor se misturam aos recursos que garantem o conforto e o aconchego dos moradores. Acabamentos aplicados de maneira incomum e materiais versáteis também são presenças constantes nos trabalhos de Cristiane Schiavoni. O resultado se reflete na concepção de ambientes modernos, humanizados e dinâmicos, que convidam ao bem-estar e, principalmente, traduzem a essência de cada cliente.
www.cristianeschiavoni.com.br
@cristianeschiavoni

Sobre o escritório Dantas & Passos Arquitetura: Dantas & Passos Arquitetura desenvolve projetos de arquitetura e design de interiores para os segmentos residencial e comercial. Atuando no mercado desde 1996, as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos valorizam os projetos que os clientes possam realmente aproveitá-los. Cores neutras e atemporais fazem parte da essência da dupla, que tem um vasto portfólio nas cidades de São Paulo, interior e Miami. “Buscamos sempre pensar em soluções exclusivas e feitas sob medida para cada cliente, sempre respeitando os sonhos de cada um. Participamos pessoalmente de todas as etapas do projeto, desde a criação até os objetos de decoração.”
Dantas & Passos Arquitetura
@dantaspassos.arquitetura

Sobre a Triarq Studio de Arquitetura: A Triarq desenvolve projetos de arquitetura e design de interiores para transformar espaços em ambientes únicos, sempre em busca do conforto e bem-estar dos nossos clientes. Valorizando linhas simples e uma linguagem contemporânea, os nossos projetos são idealizados de forma a agregar as melhores soluções técnicas e funcionais em cada espaço. Atuando no mercado desde 2005 e com uma gama diversa de trabalhos realizados, as arquitetas Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi atendem de forma diferenciada, com alto nível de serviço e a certeza de um resultado de sucesso. “Adequamos sonhos e ideias à realidade com ousadia, sempre com bom senso e equilíbrio.”
Triarq Studio Arquitetura
www.triarq.arq.br
@triarq_arq

Blogger Tricks

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Korman Arquitetos ensina como escolher revestimentos e mobiliário para casas de praia.

As arquitetas Carina e Ieda Korman orientam como amenizar os efeitos da maresia, da umidade alta e da pouca ventilação.


Apartamento na Riviera de São Lourenço, litoral de São Paulo, assinado pela Korman Arquitetos | Foto: Gui Morelli

Maresia e umidade alta são fatores que devem entrar na conta na hora de escolher revestimentos e móveis para casas e apartamentos no litoral. No caso das residências de férias, geralmente habitadas por curtos períodos, a falta de circulação do ar também entra na equação. As arquitetas Carina Korman e Ieda Korman, do escritório Korman Arquitetos, dão orientações para escolher os materiais certos e minimizar os efeitos do clima praiano.

Cuidados gerais

No living da casa de praia, os armários têm portas em estilo de veneziana
Projeto: Korman Arquitetos | Foto: Gui Morelli

Em casas de férias, que acabam ficando fechadas durante grande parte do ano, é importante pensar em soluções que ajudem a amenizar a pouca ventilação e o excesso de umidade. Armários com portas de veneziana, por exemplo, podem ser uma boa opção. Caso não sejam ventilados, recomenda-se deixar as portas dos armários abertas para evitar mofo. Outros cuidados para driblar a umidade e a maresia são usar desumidificadores de ambiente e cobrir aparelhos eletrônicos, como a TV.

Revestimentos

O escritório elegeu piso de porcelanato para a varanda, por ser prático e resistente
Projeto: Korman Arquitetos | Foto: Gui Morelli

No caso dos revestimentos, cerâmicas e porcelanatos são os mais indicados para o piso, pois são laváveis e aguentam bem a umidade e a maresia do litoral. “Pedras naturais também são uma opção, mas elas requerem mais cuidado na limpeza e, por serem porosas, sujam mais”, explica a arquiteta Carina Korman.

Mobiliário

Sofás em fibra natural compõem o estar do apartamento de praia
Projeto da Korman Arquitetos| Foto: Gui Morelli

Na escolha do mobiliário, é aconselhável privilegiar materiais resistentes à umidade, como alumínio e madeira maciça. “Até mesmo móveis de área externa, que contam com tecidos que aguentam bem a umidade e a maresia, podem ser adotados nos interiores”, orienta Carina.

Móveis planejados em casas litorâneas também exigem atenção especial. “Para a composição dos armários, melhor optar pelo MDF náutico, que suporta a umidade, ou madeira maciça”, ensina Carina. A arquiteta também recomenda deixar os planejados afastados do piso e que sejam suspensos ou sobre bases de alvenaria.

Para áreas de churrasqueira coberta, a arquiteta Ieda Korman sugere mesas de madeira e cadeiras confortáveis, que podem ser de fibras naturais, telas ou alumínio. “Não há regra para estes móveis, desde que combinem com o estilo da casa externamente ou em seu interior”, complementa.

Em móveis para áreas externas, materiais como alumínio, inox e fibras sintéticas estão bastante presentes. Mas não basta escolher uma peça apropriada para o ar livre, é preciso também conhecer sua procedência. “Na escolha de mobiliário externo, o morador deve estar muito atento à qualidade do produto, pois sua durabilidade também depende desse fator”, aconselha Ieda.

Sobre a Korman Arquitetos: Korman Arquitetos é mais que um escritório. Representa a geração de arquitetos que levam a marca dos projetos assinados há mais de 35 anos. Formado pelo casal Silvio e Ieda Korman, hoje tem na equipe a força de Carina Korman e, em equipe, assinam projetos residenciais, comerciais e de hotelaria – tanto no Brasil, como também no exterior.

Korman Arquitetos
Rua Groelândia, 1877, Jardim América, São Paulo
Tel.: (11) 3060-8313
www.kormanarquitetos.com.br
@kormanarquitetos

sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Arquitetas do escritório Dantas & Passos Arquitetura ensinam como ter uma cozinha gourmet digna de um masterchef.

Armários especiais, integração, ilha central e tudo à mão são algumas das dicas das profissionais para ter, em casa, uma cozinha gourmet dos sonhos

Projeto do escritório Dantas & Passos Arquitetura/ Foto: Divulgação

Não são apenas as boas panelas, receitas e o dom de quem prepara os alimentos que fazem a diferença em uma cozinha. O conceito de cozinhar mudou nos últimos anos e o ambiente deixou de ser aquele local da casa que era frequentado apenas por quem mora na casa e os mais íntimos.

Atualmente cozinhar é parte do enredo de receber familiares e amigos em casa.

Por isso, além de fogão, geladeira e bancada, a nova ‘sala de estar’ das residências ganhou ares de um lugar para apreciar a boa gastronomia e apresenta novidades como ilha central e cooktop. Ela deve atender todos os detalhes, que vão desde o preparo até o momento da apreciação.

Mas, como ter construir uma cozinha gourmet ou transformar aquela que já existe em casa? Para ajudar a ter a cozinha para chef nenhum botar defeito, as arquitetas Paula Passos e Danielle Dantas, do escritório Dantas & Passos Arquitetura, reuniram dicas eficazes para essa transformação.

Antes de tudo, é preciso considerar que não existem regras para o ambiente em questão. Tudo irá depender da área disponível e dos desejos dos moradores, mas alguns itens costumam ser frequentes. “Um bom projeto de cozinha gourmet deve promover a integração dos ambientes, oferecer um espaço adequado para o preparo dos alimentos, além de contar com equipamentos modernos e adequados e móveis confortáveis para acomodar os convidados”, revela Paula Passos.
Acompanhe as dicas:

Ilhas: Um dos grandes diferenciais da cozinha gourmet são as ilhas centrais que deixam o cozinheiro próximo de seus convidados. “Além do ‘chef’ não ficar isolado, o formato garante que todo ritual de preparo dos pratos se torne um show à parte”, afirma Danielle Dantas. Pela posição, faz-se fundamental a colocação de uma coisa e o projeto de iluminação para o espaço que, de preferência, deve ser posicionada de forma direta na ilha.

Eletrodomésticos: Para os cozinheiros de plantão, um equipamentos modernos ajudam a garantir melhores resultados. E para a decoração, impactam positivamente no visual! Essa lista inclui fogão ou cooktop, chapas auxiliares, churrasqueira – que pode ser a gás ou convencional –, forno elétrico, micro-ondas, freezer, geladeira, adega, cervejeira, máquina de café, máquina de lavar louças e tantos outros. Todavia, antes de comprar os eletros é preciso avaliar se existe espaço disponível para comportar todos os equipamentos.

Coifa: Coifas são incríveis para deixar a cozinha limpa e livre de gordura. Mas, como escolher o modelo ideal para o seu espaço? Paula Passos indica que é preciso saber o tamanho do fogão ou do cooktop, pois essa informação definirá o tamanho ideal da coifa. Ela também sugere verificar a potência do motor escolhido, já que o mercado oferece modelos tanto para cozinhas pequenas, como também para as maiores, bem como dar preferência para os motores silenciosos, que não incomodam durante o uso.

Existem dois modelos de coifas –parede e teto. Para quem prefere o fogão ou cooktop em ilhas, a escolha adequada é a coifa de teto. Já para quem optou pela bancada do fogão encostada na parede, o caminho é instalar um modelo fixo na parede. “Para a colocação da coifa, é sempre melhor que seja feito por assistência técnica autorizada, evitando erros e a perda de garantia do produto,” aconselha Danielle.

Organização e praticidade!

Acima de beleza, as arquitetas da Dantas & Passos Arquitetura são unânimes em afirmar que a cozinha deve ser prática e muito bem organizada. Móveis planejados podem ajudar nesse propósito –, especialmente os armários para guardar alimentos e objetos. Outra ideia é criar suportes aéreos para colheres, panelas, tampas e conchas. Penduradas, facilitam o acesso no momento da sua utilização e economizam espaço.

Tampas e panelas – não tem nada mais chato que escolher uma panela e não encontrá-la. As arquitetas aconselham guardar as tampas separadamente em um suporte organizador. “Melhor ainda se a organização puder ser feita dentro de uma gaveta, com as tampas em pé e uma do lado da outra”, revela Danielle.

Formas – aparecem em diversos tamanhos e formatos. Procure ter prateleiras próximas ao forno. O bacana é separá-las por formato, e de acordo com o tamanho, encaixar uma dentro da outra.

Eletrodomésticos – Aparelhos que são mais utilizados e que tenham design bacana e em bom estado, podem ficar aparentes e sempre à mão, como as cafeteiras e torradeiras, por exemplo. Os menos usados podem ser guardadas em um armário projetados especialmente para eles.

Copos – Para deixar o cotidiano mais fácil, deixe os copos enfileirados, sempre seguindo o mesmo tipo. Os mais usados devem estar nas prateleiras mais baixas e de fácil acesso e, os menos frequentes, na parte superior.

Outro item que deve ser observado em uma cozinha gourmet é a circulação. Manter um espaço de 90 cm para facilitar o fluxo é crucial para deixar tudo fluir. Recomenda-se também prestar atenção no tipo de cozinha e na personalidade de quem vai cozinhar, haja vista não adianta ter um lugar todo equipado se não for utilizado.

Sobre a Dantas & Passos Arquitetura: A Dantas & Passos Arquitetura desenvolve projetos de arquitetura e design de interiores para os segmentos residencial e comercial. Atuando no mercado desde 1996, as arquitetas Danielle Dantas e Paula Passos valorizam os projetos que os clientes possam realmente aproveitá-los. Cores neutras e atemporais fazem parte da essência da dupla, que tem um vasto portfólio nas cidades de São Paulo, interior e Miami. “Buscamos sempre pensar em soluções exclusivas e feitas sob medida para cada cliente, sempre respeitando os sonhos de cada um. Participamos pessoalmente de todas as etapas do projeto, desde a criação até os objetos de decoração.”

Dantas & Passos Arquitetura
@dantaspassos.arquitetura

quarta-feira, 9 de janeiro de 2019

Para renovar a casa: A Lustres Yamamura com uma liquidação em seus produtos.

Início de ano é o melhor momento para renovar a casa, pois é o período em que as principais lojas de decoração e design promovem liquidações. Entre 3 e 21 de janeiro, a Lustres Yamamura, a maior megastore do segmento de iluminação da América Latina, realiza sua tão esperada superliquidação com descontos em uma série de produtos disponíveis nos endereços de São Paulo e na loja online (www.yamamura.com.br), com entrega para todo o Brasil. Confira algumas ofertas!

Pendentes


Pendente branco 40W - De: R$ 226,00 Por: R$ 153,90
Pendente preto cobre 40W - De: R$ 225,00 Por: R$ 153,00
Pendente preto cimento 9W - De: R$ 237,00 Por: R$ 199,90
Pendente preto cobre 25W - De: R$ 153,00 Por: R$ 129,90
Pendente metal branco 40W - De: R$ 611,00 Por: R$ 418,00
Pendente bronze 40W - De: R$ 1.743,00 Por: R$ 1.192,00



Plafon sobrepor imbuia 20W - De: R$ 933,00 Por: R$ 749,90
Plafon sobrepor imbuia 25W - De: R$ 405,00 Por: R$ 324,90
Plafon sobrepor cromado cristal 40W - De: R$ 1.812,00 Por: R$ 839,90
Plafon sobrepor preto 25W - De: R$ 159,90 Por: R$ 136,00

Plafon sobrepor preto 25W - De: R$ 371,00 Por: R$ 316,00




Lustre cromado 40W - De: R$ 1.709,00 Por: R$ 1.159,90
Lustre cromado transparente 40W - De: R$ 868,00 Por: R$ 666,90
Lustre branco cristal 40W - De: R$ 1.409,90 Por: R$ 1.129,00

Arandela preta 23W - De: R$ 93,00 Por: R$ 79,00
Ventilador preto 25W c/ bluetooth e controle remoto - De: R$ 544,00 Por: R$ 459,90
Spot para trilho - De: R$ 114,00 Por: R$ 79,90
Balizador de embutir branco Led 3W c/ driver - De: R$ 223,00 Por: R$ 179,00

Espeto verde para área externa - De: R$ 104,00 Por: R$ 84,00

Sobre a Lustres Yamamura

Há 46 anos, a Lustres Yamamura se destaca no mercado por oferecer soluções completas em iluminação - tanto decorativa quanto técnica - alinhadas à qualidade, preço competitivo e um verdadeiro time de especialistas. Considerada a maior megastore do segmento da América Latina, a marca conta com um mix de mais de 18 mil produtos, com destaque para os itens exclusivos e importados das linhas de cristais contemporâneos, além de uma grande variedade de lustres, pendentes, arandelas, abajures, luminárias, spots, plafons e ventiladores, sendo ainda referência em LED no Brasil. A marca possui lojas na Rua da Consolação, Shopping Lar Center, Campinas e São Bernardo do Campo, além da loja online.

Serviço: Lustres Yamamura
Site: www.yamamura.com.br
Instagram: @lustresyamamura_
Facebook: lustresyamamura
Youtube: lustresyamamura

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Doob Arquitetura ensina como acertar na escolha do criado-mudo.

As arquitetas Beatriz Ottaiano e Daniele Okuhara revelam o que é preciso levar em conta antes de adquirir esse móvel de apoio tão importante no quarto.

O criado-mudo é um apoio indispensável ao quarto |Foto: Rafael Renzo

Eleger o criado-mudo perfeito para dispor ao lado da cama pode ser mais difícil que você imagina, afinal, além do design e dos materiais infinitos, o modelo também precisa ser adequado às necessidades dos moradores e ao tamanho do ambiente. Para facilitar a escolha, as arquitetas Beatriz Ottaiano e Daniele Okuhara, da doob arquitetura, reuniram algumas dicas preciosas.

A primeira preocupação está relacionada ao tamanho do móvel, influenciado pela metragem e disposição do cômodo. “Para acessarmos a cama, precisamos deixar uma circulação mínima de 60 cm, lugar quase que, intuitivamente, ocupado pelo criado-mudo. Já o móvel deve medir, pelo menos, 45 cm de largura e 35 cm de profundidade”, exemplifica Daniele.

O criado-mudo com gavetas deixa os acessórios sempre à mão e evita bagunça aparente Foto: Evelyn Muller

A altura também é um fator determinante na escolha do móvel. Nesse caso, a medida está relacionada às proporções da cama. “O padrão é 55 cm, porém a altura do móvel precisa estar alinhada com a da cama ou até 10 cm mais baixa”, fala Beatriz. Considerar também a altura das tomadas é fundamental. “Ao projetar o quarto, vale deixar o eixo da tomada, alocado ao lado do criado-mudo, a 85 cm do piso”, diz Beatriz.

A mesa lateral ao lado do armário pode ser movida com facilidade | Foto: Julia Ribeiro

O criado-mudo convencional, com gaveta, é o mais comum quando se deseja área de armazenamento. Vale saber também que alguns modelos prontos costumam custar menos que as opções sob medida, que aproveitam melhor cada centímetro disponível. No entanto, nem sempre é possível investir nessas alternativas. “Se o espaço de circulação é pequeno, pode-se optar por uma mesinha lateral, que cumpre muito bem a função do móvel, além de ser leve e fácil de ser arrastada”, explica Daniele. “Vale a pena lembrar que não é preciso usar criados-mudos nas duas laterais da cama. Para dar um ar mais moderno à decoração vale deixar a criatividade fluir e misturar peças com medidas, cores e até materiais diferentes”, revela Beatriz.

As arquitetas apostaram em dois modelos diferentes no quarto de casal | Foto: Mariana Orsi

Para quem não tem problema de falta espaço, atenção à dica das arquitetas. “Quando se tem uma largura mais generosa no quarto, como 80 cm, é possível substituir o criado-mudo por uma escrivaninha entre 75 e 78 cm de altura. Outro móvel que pode funcionar bem ao lado da cama é uma cômoda, porém, é uma solução para quem dispõe de uma cama com altura acima de 75 cm”, finaliza Daniele.

Sobre a doob arquitetura: Escritório é formado pelas arquitetas Daniele Okuhara e Beatriz Ottaiano, graduadas pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Atua, principalmente, na reforma de interiores residenciais em todo o estado de São Paulo, mas assina também projetos de apartamentos decorados, retrofit e espaços corporativos. A marcenaria sob medida, pensada na integração e na otimização dos ambientes, é uma característica marcante nos trabalhos da doob Arquitetura, que busca identificar o perfil de cada cliente para materializá-lo na arquitetura e decoração, não só pela forma, mas também pela funcionalidade.

segunda-feira, 31 de dezembro de 2018

Boas idéias para a Mesa de Réveillon.

Olá! Como sempre, hoje, último dia do ano tem post com boas inspirações para nossas mesas de Réveillon. Quem não gosta de uma mesa linda nesta data. Uma mesa bem posta deixa tudo mais especial. O carinho também faz parte disso, ao arrumar uma linda mesa nós estamos oferecendo o nosso melhor aos convidados. Pode ser desde uma mesa mais simples decorada com velas e uma boa toalha de mesa até mesas mais bem elaboradas, cheia de detalhes.


Fica lindo uma decoração com donzelas, copos ou vasos com velas!


Bolinhas de Natal, bandejas com bolinhas, pratos de bolo decorados, linda toalha, todos servem de decoração na mesa de Réveillon. Até pequenos detalhes como bebidas e até bombons podem servir de enfeites.


Desejo a todos um 2019 maravilhoso!