quinta-feira, 4 de abril de 2013

SP-Arte exibe o melhor da arte contemporânea.

Olá!!!

Como vocês já sabem, até por alguns posts que já apareceram aqui gosto de artes em geral (deve ser por conta do signo - libriana em tudo - hahaha). Não sou colecionadora (quem me dera!!), mas é um assunto que sempre me deixou fascinada, pois tenho admiração por quem consegue, através da sensibilidade (que nós já sabemos que é um dom), traduzir o cotidiano em traços, formas, fotografias e escrita. 

Na verdade tem sido cada vez maior o interesse de brasileiros pelo assunto, e além disso, também tem havido um reconhecimento de artistas brasileiros em todo o mundo (oba!!), e galerias e museus estão investindo em nosso país.

Então hoje o post é para quem também gosta do assunto. Começa aqui em São Paulo, no Pavilhão da Bienal, em cerca de 17 mil m² de área de exposição, a nona edição da SP-Arte que exibe o melhor da arte contemporânea representada por 122 galerias de 16 países. O evento tem Fernanda Feitosa como idealizadora e diretora.

Quem se lembra do post sobre a exposição de Franz Ackermann? Para quem não teve a oportunidade de ver seus quadros de perto, ele é um dos artistas que terão seus trabalhos expostos , além de brasileiros renomados. 

Entre os artistas brasileiros, quadros de Lygia Clark (que até foi inspiração em um desfile - da Uma há duas semanas no mesmo local) também estarão expostos. Já falei dela aqui também lembram? 

Depois de Basel e Frieze, esta é a feira com o mais prestigioso line-up de galerias do mundo. Responsável em 2012 por uma edição de sucesso e repercussão internacional, e volta a atrair ao Brasil, a nata das galerias de arte do circuito internacional. 


Esta será a edição com maior índice de proeminentes galerias, representantes dos mais renomados artistas do circuito internacional - nada menos que 30% dos participantes vêm de países como Inglaterra, Estados Unidos, França, Alemanha e Itália. Ao todo estarão presentes no evento 122 galerias de 16 países, sendo 81 nacionais e 41 estrangeiras.

Pioneira do gênero no país, a SP-Arte traz, desde sua origem, a busca constante pela inovação, tendo se consolidado como uma das mais importantes feiras do mundo e colocado o Brasil, definitivamente, no calendário oficial das feiras de arte.



Estarão no evento, por exemplo, galerias de prestígio internacional como: 


Gagosian (EUA, Reino Unido, França, Itália, Grécia, Suíça e Hong Kong), Lisson (Reino Unido, Itália e EUA), Pace (Reino Unido, EUA, China), White Cube (Reino Unido, Hong Kong e Brasil), David Zwirner (EUA e Reino Unido), Thaddaeus Ropac (Áustria, Paris), Hauser & Wirth (Suíça, Reino Unido, EUA), Sprüth Magers (Alemanha, Reino Unido), Continua (Itália, França e China), Neugerriemschneider (Alemanha), Elvira Gonzalez (Espanha), Franco Noero (Itália) e Lia Rumma (Itália).

Entre as galerias brasileiras destaque para DAN, Fortes Vilaça, A Gentil Carioca, Luisa Strina, Luciana Brito, Mendes Wood, Millan, Nara Roesler, Paulo Kuzcysnki, Vermelho, entre tantas outras. Esses espaços traçam um panorama da produção artística brasileira e internacional.

Com o objetivo de integrar o circuito paulista das artes durante o evento, a SP-Arte/2013 ampliará o programa de parcerias com museus e instituições. O visitante desta edição que adquirir um ingresso para o MAM, MIS, Pinacoteca, MAC, SESC Pompeia, CCSP e Itaú Cultural, na semana anterior ao evento, receberá um convite para visitar a feira nos dias 6 ou 7 de abril. 

Vale dar uma passada por lá para conferir. Recomendo!!!

E então...gostaram?

Bjos,

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.