quarta-feira, 16 de julho de 2014

O Instagram não é uma rede social como outra qualquer. Ele virou mania, business, piada do Oscar e até verbo! Mas também é mais do que isso: o aplicativo despertou em milhares de pessoas o interesse pela fotografia — seja ela profissional ou amadora, digital ou palpável… E na verdade é esse o tema do post de hoje.

Bom, quem lembra do mural do meu quarto ou da minha árvore de Natal já deve ter percebido que sou adepta dessa história de colar papéis ou fotos direto na parede, sem moldura mesmo. É que o recurso é barato, despojado e você não precisa se preocupar em deixar tudo retinho e impecável.

A grana está curta, mas a parede está ainda mais triste do que o bolso? Então transporte o seu feed do Insta para a vida real e crie um painel improvisado para animar o espaço. Como o investimento é baixo, não tem problema que essa seja apenas uma solução temporária — se bem que o meu mural já tem um ano de vida e continua lá, firme e forte. Para fixar as imagens você pode usar washi tapes, que ficam expostas e trazem um colorido a mais, ou então a boa e velha fita crepe em “rolinhos” no verso de cada fotografia — essas duas versões não estragam a pintura da parede, então nesse caso são mais indicadas do que as fitas dupla-face.Os murais ficam lindos com fotinhos instantâneas, estilo Polaroid ou Fujifilm (vocês viram que a marca lançou câmeras assim?), mas quem não tiver esses modelos pode imprimir as imagens em qualquer casa de revelação — costuma ser barato e algumas já deixam no formato quadrado pelo mesmo valor. E tem ainda outra ideia legal: o site gringo Sticky9 imprime as fotos em ímãs e capinhas de celular ou iPad — ah, eles entregam no Brasil e às vezes o frete é grátis, dependendo da promoção. Acho uma opção simpática!


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.