quarta-feira, 6 de maio de 2015

Por Juliana Skliutas: Mês de maio - noivas, vestido. buquê...

Todo mundo sabe que maio é oficialmente conhecido como o mês das noivas. Os olhos dos convidados no dia do casamento estarão todos voltados para ela, que me perdoem os noivos desavisados. Tudo pronto! Vestido, véu, sapatos, cabelo e maquiagem e o buquê. Ah, o buquê da noiva... Mas afinal de contas, o buquê é realmente tão importante assim?


Sim! O buquê é importantíssimo! Não só para abrilhantar ainda mais a noiva como pelo seu significado. Antigamente o buquê era feito com ervas, especiarias e até alho. Acreditava-se que assim os maus espíritos seriam afastados e o casamento seria repleto de harmonia, paz e prosperidade. Hoje em dia isso mudou e as flores passaram a ser o símbolo de fertilidade e felicidade. 



O buquê faz parte do "look" da noiva. Deve-se levar em conta seu tipo físico, estilo e cor de cabelo, olhos e pele da noiva. Tais itens como vestido, sapatos, véu, penteado e maquiagem devem estar todos conversando entre si. Isso significa que o conjunto deve ser harmônico e deve transmitir a melhor imagem desta mulher, em um dos dias mais felizes da sua vida.



Agora, atenção! O buquê não deve estar em harmonia com a decoração do salão de festas! Aliás ele deve se destacar perante a decoração das flores da igreja ou da recepção. Senão pode parecer que a noiva esqueceu o buquê e pegou emprestado um arranjo do altar!

Existem hoje em dia variações de estilos de buquês.  Os buquês mais usuais são os redondos, cascatas e braçadas. Algumas observações devem ser feitas para ajudar na escolha certa. Por exemplo, mulheres mais baixas devem optar por buquê redondo ou cascata em tamanho pequeno. 

Baixinhas e gordinhas devem evitar o buquê redondo. Escolham o estilo cascata ou braçada em tamanho pequeno. As altas e magras tem mais opções, mas devem evitar buquês muito pequenos. O buquê é um acessório superimportante e deve harmonizar com o biótipo da noiva. Assim a silhueta fica equilibrada e proporcional. 

Outro ponto importante para o grande dia é o horário da cerimônia assim como a estação do ano. Ambos influenciam na escolha do buquê. Maio é sempre mais fresquinho. Nem tão quente e nem tão frio. As cerimônias matutinas remetem a um romantismo, pureza e leveza. À noite as cerimônias são normalmente seguidas de festas que podem ir do estilo elegante ao extravagante. Portanto, com cores mais dramáticas e talvez flores excêntricas. Outro ponto são as opções de flores disponíveis em cada época. De preferência, a noiva deve escolher as flores disponíveis no período do casamento. Mas apesar de tudo isso, o que deve ser considerado é o estilo da noiva. Afinal como já disse, o dia é dela, certo?

Eu, como Personal Stylist de noivas, sou uma romântica incorrigível! Risos. Em minha opinião, o buquê deve ser de flores naturais, independente do estilo da noiva: punk, pink, chique, casual, ultra moderna... Uma excelente opção é fazer um segundo buquê para jogar para as amigas. E aí então vale buquê de Santo Antônio, de doces, mini buquês artificiais.

Juliana Skliutas
Personal Stylist
www.julianaskliutas.com
juliana@julianaskliutas.com
Instagram @juskliutas
(11) 98287-7722

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.