quinta-feira, 22 de novembro de 2018

Profissionais de arquitetura ensinam como projetar uma área de serviço prática e organizada.

Espaço pequeno não pode ser desculpa para uma lavanderia que não atende as necessidades do morador;

As arquitetas Ana Paula Brisa e Fernanda Takadachi, da Triarq Studio Arquitetura, e Cristiane Schiavoni, do Cristiane Schiavoni Arquitetura e Interiores, compartilham suas experiências para concepção de projetos para esse importante ambiente da casa

Projeto: Cristiane Schiavoni. Foto: Carlos Piratininga

Indispensável em qualquer lar, a área de serviço é dos espaços mais utilizados da casa. E o motivo é simples: com frequência é preciso lavar uma peça de roupa, um pano ou simplesmente pegar um produto ou acessório de limpeza. Pequena ou grande, isolada ou integrada à cozinha, a área de serviço deve ser prática, funcional e organizada.

Experientes na execução de projetos residenciais, as arquitetas Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi, do escritório Triarq Studio Arquitetura, e Cristiane Schiavoni, à frente do Cristiane Schiavoni Arquitetura e Interiores, ressaltam que a área de serviço merece tanta atenção quanto os demais cômodos do projeto. Acompanhe as dicas que norteiam o trabalho das profissionais na execução do ambiente:

Mão na massa: Antes de começar o projeto é preciso elencar as necessidades de cada morador como quantidade de varais a serem dispostos ou a demanda de uma marcenaria elaborada. “Além dessa avaliação completa em mãos, é fundamental identificar a disponibilidade dos pontos de água, esgoto, elétrica e gás”, alerta a arquiteta Fernanda Takadachi.

A profissional ainda indica pesquisar e escolher quais são os eletrodomésticos a serem dispostos no ambiente, já que cada um conta com dimensões diferentes e condições específicas para instalação correta e funcionamento seguro.

Layout funcional para facilitar a vida de quem usa a lavanderia é preciso saber dispor, de forma prática e inteligente, os espaços direcionados para a lavagem das roupas, colocação dos armários e outros itens. “Em via de regra, a lavadora sempre deve ficar ao lado do tanque. Se tivermos um espaço maior, é interessante pensar em um local ergonômico e adequado para montar a tábua de passar roupa. Também chamo atenção para a posição do varal, que deve estar próximo à circulação de ar. Minha dica é sempre deixar as ‘varetas’ de forma perpendicular à entrada de ventilação e, assim, as roupas secarão rapidamente e sem o cheiro de peças que ficaram penduradas por muito tempo”, revela Cristiane Schiavoni.

Resistente e seguro por ser um ambiente com uso contínuo de água, o revestimento precisa resistente. “Para paredes e piso, recomendo utilizar porcelanato ou cerâmica. Para o chão, opto por especificar modelos antiderrapantes para evitar acidentes”, explica Ana Paula Briza.

Móveis: Por se tratar de uma área úmida, as arquitetas da Triarq Studio Arquitetura, recomendam que os móveis não estejam apoiados diretamente no piso. Para tanto, é possível realizar a instalação de forma suspensa ou sob uma base de alvenaria, evitando o contato direto com a água. Á área de serviço também é o ambiente escolhido para guardar os itens utilizados para a limpeza da casa. “Sempre incluímos um armário vertical para vassouras e rodos e, para os produtos, armários fechados à mão dos adultos, mas que inibam o fácil acesso das crianças”, indicam.

Roupa sem odor: Caso a área de serviço esteja integrada à cozinha, certamente as roupas ficarão com os odores característicos do ambiente. Sendo assim, a arquiteta Cristiane Schiavoni, indica fechar a lavadora e o varal dentro de uma espécie de nicho. “No caso de um pequena lavadora, dá para ocupar um lugar de apenas 70 cm. Para uma lava e seca, com 1,20 m, já é possível embutir essa lavanderia”, completa.

Sobre a Triarq Studio de Arquitetura A TRIARQ desenvolve projetos de arquitetura e design de interiores para transformar espaços em ambientes únicos, sempre em busca do conforto e bem-estar dos nossos clientes. Valorizando linhas simples e uma linguagem contemporânea, os nossos projetos são idealizados de forma a agregar as melhores soluções técnicas e funcionais em cada espaço. Atuando no mercado desde 2005 e com uma gama diversa de trabalhos realizados, as arquitetas Ana Paula Briza e Fernanda Takadachi atendem de forma diferenciada, com alto nível de serviço e a certeza de um resultado de sucesso. “Adequamos sonhos e ideias à realidade com ousadia, sempre com bom senso e equilíbrio.”

Triarq Studio Arquitetura www.triarq.arq.br @triarq_arq

Sobre Cristiane: Formada em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de São Paulo-USP, Cristiane Schiavoni atua na área de arquitetura, decoração e reforma desde 1996 e hoje, o escritório que leva seu nome, tem mais de 20 anos de histórica, reunindo centenas de projetos dentro e fora do Estado do São Paulo. Em suas criações residenciais e comerciais, publicadas em importantes veículos brasileiros, elementos-surpresa e toques de cor se misturam aos recursos que garantem o conforto e o aconchego dos clientes. Acabamentos aplicados de maneira incomum e materiais versáteis também são presenças constantes nos trabalhos de Cristiane Schiavoni. O resultado se reflete na concepção de ambientes modernos, humanizados e dinâmicos, que convidam ao bem-estar e, principalmente, traduzem a essência de cada cliente.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.