terça-feira, 3 de setembro de 2019

Gallery Wall: Estúdio Uvva compartilha dicas para montar e aplicar os quadros na decoração.

Trio de arquitetas abordam os truques para não errar na hora de compor os quadros nos ambientes da casa.

Gallery Wall/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

Paredes vazias são espaços ideais para soltar a criatividade. Nesses locais, quadros, pôsteres, fotos, e até mesmo adornos, podem formar uma gallery wall. A composição, perfeita para repaginar o visual da casa ou apartamento, dá vida às paredes!

O ideal é aproveitar aquela superfície monocromática para adicionar cores e texturas diferentes. Após eleger o ambiente do imóvel que abrigará o arranjo artístico, a escolha das obras de arte deve seguir a personalidade do morador. Assim, é possível misturar molduras, tamanhos, formatos, desenhos e tonalidades em uma disposição assimétrica ou rigorosamente organizada.

O melhor é que a gallery wall pode ser posicionada em qualquer espaço da casa. No quarto, na sala de jantar, no living e até no banheiro, sempre levando em consideração o estilo da decoração de cada um. Para ajudar a montar uma bela composição, o trio de arquitetas do Estúdio Uvva reuniu dicas valiosas. Barbara Marins, Gabriela Hipólito e Juliana Flauzino se inspiraram em seus projetos para fornecer as orientações necessárias. “O importante é que o resultado transmita os gostos dos moradores”, afirmam.

1) Cores vibrantes:

Quadros coloridos/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

Quanto maior o espaço, mais possibilidades de composição. Em uma sala de estar com paredes brancas e pé direito duplo, quadros de diversos desenhos, cores e formatos deixam o ambiente mais divertido. O essencial é que, mesmo em uma combinação aparentemente despojada, haja um padrão. Seja de tons vibrantes, tamanhos ou estilos. “Afinal, pendurar telas é uma maneira criativa de valorizar a coleção de arte”, diz Babara Marins.

Além disso, os demais móveis e objetos finalizam a decoração. As poltronas, almofadas, tapetes, mesas e sofás, ajudam na harmonização. 

2) Tons neutros:

Quadros em um ambiente neutro/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

Quando o assunto são os ambientes com dimensões menores, é importante observar as proporções. Escolher quadros de tamanhos únicos ou variar as dimensões auxilia no equilíbrio. Nesse caso, os tons neutros são os mais recomendados, já que não cansam a vista e contribuem para uma melhor combinação em paredes pequenas.

Nessa sala, as arquitetas mantiveram o conceito de decoração e acrescentaram modernidade. No living composto por marrom, bege e preto, as molduras chamaram a atenção. Os desenhos e fotos remetem às memórias dos clientes. O resultado ficou incrível!

3) Gallery wall na sala de almoço: 

“Os quadros podem estar presentes em qualquer ambiente da sua casa”, conta Gabriela Hipólito. Desde que se respeite o tamanho da parede, o estilo da decoração do espaço e a personalidade dos proprietários. Na sala de almoço, local que é muito usado no dia-a-dia, escolher uma bonita composição tornará a refeição ainda mais agradável.

Gallery wall na sala de almoço/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

Uma dica interessante é tentar manter um fio condutor na hora de montar a gallery wall. Eleger um tema central para os quadros, fotos ou pôsteres facilitam a produção de um arranjo equilibrado. Mesmo que os desenhos sejam diferentes, as cores ou formatos podem se destacar nessa função.

4) Gallery wall com papel de parede:

Apesar de dispensar o uso de papel de parede, nada impede de utilizá-lo na composição final. As estampas deixam o cômodo mais charmoso e cativante. O segredo é saber conciliar as colorações e os temas, mas sem exageros.

Papel de parede ajuda a compor a gallery wall/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

Além disso, os objetos de decoração também são capazes de formar uma bonita galeria. Dessa maneira, lembranças de viagens dos moradores, por exemplo, ganham um local especial no projeto. “Nessa sala, os pratos coloridos foram colocados em uma disposição adorável, cativando o olhar”, afirma Juliana Flauzino.

5) Gallery wall no quarto:

Quarto de casal com quadros/Projeto: Estúdio Uvva/Foto: Manu Oristanio

A cabeceira da cama do quarto de casal é um ótimo espaço para receber uma gallery wall. Se a parede for monocromática, a escolha das obras fica ainda mais fácil. Em uma decoração clássica, os tons neutros são os mais indicados, assim como no minimalismo do estilo escandinavo. Para composições modernas e despojadas, cores vibrantes e desenhos abstratos combinam perfeitamente. “Entretanto, não se prenda às fórmulas prontas. Explore as diversas maneiras para expor os quadros”, aconselham as profissionais do Estúdio Uvva.

Sobre Estúdio Uvva

Inaugurado em 2013, o Estúdio Uvva é fruto da união de três arquitetas: Juliana Flauzino, Gabriela Hipólito e Barbara Marins. As profissionais reconheceram uma na outra o amor e a dedicação pela arquitetura quando estudaram juntas no Centro Universitário Belas Artes em São Paulo. Reunindo trajetórias, bagagens, opiniões e personalidades diferentes, elas criaram um estilo harmônico que é traduzido em seus projetos. Criatividade, equilíbrio, inovação e conforto são os pilares seguidos à risca neste escritório. “Conectar nossas experiências na arquitetura para realizar o sonho de alguém é o nosso diferencial”, afirmam.

www.estudiouvva.com.br
@estudiouvva
Rua Curupacê, 489 – Sala 2 – Mooca, São Paulo – SP
Fone: (11) 3205-2080

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.