segunda-feira, 27 de janeiro de 2020

Organização e praticidade para 2020: 3 dicas para montar um closet funcional.

O designer de interiores Henrique Freneda ensina como organizar escolher o modelo de closet ideal para cada projeto.

A organização, tanto de roupas quanto de sapatos e acessórios, é prioridade na hora de montar um closet. “O objetivo é encontrar a melhor maneira de guardar os pertences de forma a otimizar espaço e facilitar a escolha das peças para vestir”, explica o profissional.

Por isso, é de extrema importância fazer um levantamento de tudo que será armazenado no espaço. Depois de obter essa informação, o designer de interiores pode mensurar a quantidade exata de prateleiras, araras, ganchos, divisórias, cabides, gavetas para a execução do projeto de marcenaria.
Se o tamanho disponível para o projeto for reduzido, o importante é apostar nos espaços verticais. Uma versão sem portas, totalmente aberta, costuma ser a mais indicada, pois o espaço interno é ampliado. “Se a organização é prerrogativa, nesse sistema se torna ainda mais valiosa, já que tudo ficará à mostra”, destaca Freneda. 


Closet pequeno exige soluções práticas/Foto: Banco de Imagem



A organização, tanto de roupas quanto de sapatos e acessórios, é prioridade na hora de montar um closet. “O objetivo é encontrar a melhor maneira de guardar os pertences de forma a otimizar espaço e facilitar a escolha das peças para vestir”, explica o profissional.

Por isso, é de extrema importância fazer um levantamento de tudo que será armazenado no espaço. Depois de obter essa informação, o designer de interiores pode mensurar a quantidade exata de prateleiras, araras, ganchos, divisórias, cabides, gavetas para a execução do projeto de marcenaria.

Se o tamanho disponível para o projeto for reduzido, o importante é apostar nos espaços verticais. Uma versão sem portas, totalmente aberta, costuma ser a mais indicada, pois o espaço interno é ampliado. “Se a organização é prerrogativa, nesse sistema se torna ainda mais valiosa, já que tudo ficará à mostra”, destaca Freneda.
Roupas com tecidos que amassam facilmente, como o caso de vestidos, devem ser pendurados em cabides separados, que por sua vez pode seguir uma ordem por cores ou estampas. Por sua vez, bolsas e mochilas são expostas em nichos e os sapatos ganham glamour ao serem dispostos em prateleiras. “Também gosto muito dos ganchos, que são perfeitos para simplificar a rotina, já que armazenam o pijama ou uma troca de roupa rápida”, aconselha Freneda. 

Iluminação realça a decoração do closet/Foto: Banco de Imagem

 
Apostar nesse recurso colabora para ressaltar a amplitude do espaço! O ideal é investir em um ponto de luz colocado no centro, iluminando de forma geral por meio da instalação de um plafon, lustre ou pendente. 

Para uma iluminação mais específica dentro dos armários, lâmpadas com um bom ICR (Índice de Reprodução de Cor) garantem uma alta eficiência sem interferir diretamente nas cores dos itens. “Prateleiras, gavetas, nichos e cabideiros são destacados com o uso de fitas de LED”, explica Henrique Freneda.

Já os closets grandes não envolvem muitos mistérios: a principal preocupação está em decorar o local de acordo com o estilo de vida dos moradores. Aposte em espelhos para ajudar a escolher a roupa perfeita para a ocasião e invista na escolha de sofás e pufes, que trazem praticidade e acrescentam charme ao local.

Pensando um pouquinho mais além, um móvel pode ser instalado no centro do ambiente para receber joias e peças íntimas. Fora isso, obras de arte, quadros e esculturas, contam com a função de marcar a personalidade no cômodo.
 
Mesmo que o LED esteja em contato direto com as vestimentas dentro dos compartimentos do móvel, não se preocupe! A tecnologia foi desenvolvida para não sofrer nenhum tipo de aquecimento, portanto, não existe risco de as roupas serem danificadas. “Esse tipo de iluminação facilita a escolha do look no dia-a-dia, além de economizar na conta de energia”, finaliza o designer de interiores.
 
Sobre Henrique Freneda
Apaixonado por design de interiores, Henrique Freneda tem ampla experiência na área. De paisagista, ele buscou seu sonho maior e se formou em Designer e já realizou mais de 70 projetos entre casas, apartamentos, projetos comerciais e até cenários de televisão. Henrique segue um estilo moderno contemporâneo e se inspira em grandes nomes como Olegário de Sá e Norman Foster. Utilizando sua expertise no assunto, atualmente está na televisão aberta com o quadro “Casa e Decoração” sobre arquitetura e design no programa “Papo em Dia” com Luciano Faccioli e Gisele Alves, na Rede Brasil de Televisão. O profissional também criou e assinou o cenário do “Vida e Estilo”, fazendo algumas participações ao lado da apresentadora Amanda Françozo.
@frenedainteriores

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigada pelo comentário. Bjs.